Funil de vendas no Inbound Marketing: conteúdos específicos para público determinado


Postado em 22/11/2016 por Conteúdo e Cia

O funil de vendas é bastante conhecido dos profissionais de marketing digital. Basicamente, ele mostra, metaforicamente, em que momento do processo de compra o cliente - a Jornada do Cliente - se encontra para que se possa ajustar esforços para cada um desses momentos até a conclusão da venda.

O funil de vendas, basicamente, é dividido em 3 etapas: Topo, Meio e Fundo, onde para cada etapa é possível gerar conteúdo para que o um usuário que esteja trafegando pelo seu site se torne, com o tempo, um cliente.

 

Topo de funil

O público que está no topo do funil não busca por nenhum produto ou serviço específico e até desconhece que possui algum problema a ser resolvido. Nessa etapa, ele ainda está distante de se tornar realmente um cliente.
Assim, o conteúdo do topo de funil deve ter o objetivo de fazer com que o público descubra que pode ter a necessidade do seu produto ou serviço. Esse conteúdo deve voltado para um público amplo e deve ser bem explicativo.

Exemplos

  • Posts de blog
  • Conteúdos multimídia
  • Informativos


Meio do funil

Quem está no meio do funil já busca por soluções para algum problema e é aqui que ele será levado à decisão de compra. Assim, o conteúdo para meio do funil deve ainda ser informativo, apresentando soluções, mas sem falar demais da sua empresa.
Nesse ponto, já é possível colocar uma barreira maior de consumo do conteúdo, como, por exemplo, um formulário para download, para capturar dados do possível cliente (geração de leads).

Exemplos

  • Cases de mercado
  • E-books
  • White Papers
  • Newsletters personalizadas

 

Fundo do funil

Os leads de fundo de funil já estão decididos a comprar e considerando seu produto ou serviço, mas precisam ainda maiores informações para ajudá-los a tomar uma decisão. Nesse momento, a área de vendas pode entrar em ação, onde as vendas B2B (empresa para empresa) costumam ter uma maior intervenção do time de vendas que vendas B2C (empresa para consumidor).
Aqui, o conteúdo já pode falar abertamente sobre sua empresa e a solução que ela oferece, posicionando você como a melhor opção para resolver os problemas do potencial cliente.

Exemplos

  • Cases de clientes
  • Testes gratuitos de uso do seu produto ou amostras de serviço

 

Se você ainda não identificou o funil de vendas da sua empresa comece a pensar em como as vendas acontecem e crie um desenho com todas as etapas. Após, segmente seus leads e use conteúdo que eles mais desejam para atrair e cativar seus potenciais clientes.

plano de inbound marketing deve prever estratégias de curto, médio e longo prazos, pois alguns funis podem ser curtos, mas outros o tempo será maior dependendo do segmento de atuação e a complexidade do processo de tomada de decisão do cliente.

Que tal começar hoje mesmo?

Se precisar de ajuda, a Conteúdo e Cia está sempre à disposição!  

Para saber mais, acompanhe nosso blog ou assine nossa newsletter abaixo

 

 

.

Publicado em Inbound Marketing

CONTATO

Fale com nossos Consultores
R. José Bernardino Bormann, 1492
Batel - Curitiba, PR

GRUPO CRONOMIDIA

Cronomidia Conteúdo e Cia Cronochat